Picture
Imagens do circuito interno da agência dos Correios em Tianguá - Foto: Tianguá em Foco
Tianguá- Policiais da 2ª Companhia do 3ºBPM (Tianguá), sob o chefia do Capitão PM Arturnane, prenderam nesta última sexta-feira dia 26/08, um homem com pelo menos cinco identidades falsas.

Com o acusado a polícia encontrou notebook e outros aparelhos digitais, além de uma agenda que continha muitas informações de movimentações financeiras.O acusado abriu várias contas bancárias na região com identidades falsas e há vários dias vinha realizando as movimentação bancária.

As imagens do circuito interno de segurança da agência dos Correios de Tianguá ajudaram a polícia chegar ao acusado e efetuar sua prisão.O caso está sendo investigado por a Delegacia Regional de Polícia Civil de Tianguá. A polícia ainda não havia divulgado a verdadeira identidade do acusado até o fechamento desta matéria.


 
 
A atividade ilegal foi identificada em Camocim e se estende para outros municípios da Região Norte cearense

Camocim. O promotor de Justiça do município de Camocim, Hugo Alves, afirma que aguarda somente resultado de relatório da Receita Federal para entrar com uma Ação Civil Pública suspendendo a venda da chamada "compra premiada", e obrigando o ressarcimento do dinheiro a quem aderiu aos planos. O caso foi divulgado com exclusividade pelo Diário do Nordeste na última sexta-feira.

"Já ia pedir relatório para o núcleo técnico do Ministério Público devido às constantes reclamações recebidas, mas como teve a fiscalização da Receita Federal, estou aguardando o relatório final para impetrar medida judicial", reitera o promotor. De acordo com ele, dependendo dos estudos técnicos contidos no documento, a ação judicial poderá solicitar bloqueio de bens dos proprietários das empresas e fechamento das que estão praticando o negócio de forma irregular.

Na última quinta-feira, o Ministério da Fazenda divulgou um alerta a respeito dessa prática ilegal, que seria uma nova forma para o antigo golpe conhecido como "pirâmide".

A atividade, bem rentável, segundo populares e as próprias pessoas que participam, se expande para outros municípios da Região Norte cearense. O sistema funciona assim: a empresa forma grupos de participantes que pagam parcelas mensais e concorrem a sorteios do bem contratado. Quando contemplado, o consumidor deixa de ser obrigado a quitar as demais parcelas, e outra pessoa é inserida no grupo. Há carnê de pagamento e contrato assinado pelos participantes, além de sorteios em várias datas do mês.

No Município de Tianguá, também na Zona Norte, o produtor cultural Robério Belchior diz que foi lesado por uma empresa que trabalhava com esse sistema de "venda premiada. De acordo com Belchior, o negócio atuava no Município há cerca de seis anos.

"Há cinco meses, os proprietários não cumpriram mais os compromissos de entrega dos bens premiados e foram embora. Eu tinha um consórcio de uma moto Biz e perdi 46 prestações pagas. Além de mim, mais de mil pessoas ficaram na mesma situação, fomos à Polícia, fizemos B.O. e até agora não fomos ressarcidos", denuncia. O produtor afirma ter perdido mais de R$8.000 com a "venda premiada".

Comerciantes regularizados da região estão preocupados com os negócios a partir do alerta emitido pelo Ministério da Fazenda. Eles temem serem prejudicados pela prática criminosa de empresas que aplicam golpes na população.

SILVÂNIA CLAUDINO
ESPECIAL PARA CIDADE/DN

 
 
Picture
A encomenda – no mínimo, macabra - foi encontrada após um assalto a um caminhão dos Correios

A ossada de um homem foi enviada do Rio de Janeiro (RJ) à Viçosa do Ceará (CE) pelos Correios. A encomenda – no mínimo, macabra - foi encontrada após um assalto a um caminhão dos Correios, no dia 15. Os ladrões violaram e levaram parte da carga, mas deixaram para trás o pacote.

Após fazer a vistoria da carga recuperada com equipamentos de raio X, a polícia detectou o conteúdo e uma ordem de exumação emitida pela Prefeitura do Rio de Janeiro.

A família do homem afirma não saber que o material seria enviado pelos Correios. Eles dizem que pagaram a um funcionário do Cemitério Municipal São Francisco Xavier (Caju), no Rio de Janeiro, para que ele exumasse e providenciasse o traslado dos restos mortais para a cidade cearense. De acordo com a família, eles desembolsaram R$140 pela exumação e mais R$380 pelo transporte.

O funcionário do cemitério, Alessandro Oliveira, admitiu ter enviado a ossada pelos Correios e alegou desconhecer que os Correios não podem transportar esse tipo de material.

A ossada foi encaminhada para o Instituto Médico Legal (IML) e já foi liberada pela polícia do Ceará.


Informações Jornal Correio do Estado/MS

 
 
Picture
A Polícia Civil confirmou, neste sábado (20) que somente o funcionário público Ronaldo Texeira dos Santos Souza foi posto em liberdade, através de habeas corpus. Nessa sexta-feira (19), surgiu a informação dando conta que o ex-prefeito de Tianguá Gilberto Moita, e o empresário Jean Carlos Aguiar foram beneficiados com a ordem judicial, o que não ocorreu.

Gilberto Moita e o empresários Jean Carlos Aguiar permanecem presos na Delegacia Regional de Santana do Acaraú, na Região Norte do Ceará.

Liberdade
Os primeiros a serem soltos foram os filhos do ex-prefeito, Victor de Castro Moita e Gilberto Moita Filho, que foram liberados por serem réus primários e universitários. Os outros dois presos, José Auricélio Vidal e Manuel Mecias Rodrigues, presidente e coordenador, respectivamente, da Comissão de Licitações de Santana do Acaraú foram libertados pouco tempo depois dos estudantes, com a condição de estarem em casa sempre antes das 20h.


INFORMAÇÕES DO SISTEMA JANGADEIRO DE COMUNICAÇÃO

 
 
Tianguá 

Bando interestadual é acusado de arrombar caixas eletrônicos em bancos, no Interior, e de atacar residências.


Delegado Tarcísio Abreu Júnior comandou a operação que desarticulou a quadrilha em Tianguá. Um cearense, um paulista e um paranaense foram presos com armas e ferramentas.

O novo superintendente da PF no Estado, delegado federal Sandro Lúcio Caron de Morais, ressaltou a importância da investigação que evitou novos ataques dos assaltantes nas cidades do Interior cearense.

Um sargento reformado da Polícia Militar, identificado como Francisco Cristóvão Pereira da Silva, comandante do programa Pró-Cidadania do Município de Frecheirinha (a 305Km de Fortaleza) e que também acumulava o cargo de membro do Conselho Tutelar de Ubajara, está sendo procurado pela Polícia Federal. Ele é acusado de participação direta nas ações praticadas por uma quadrilha de ladrões de bancos e arrombadores de caixas eletrônicos.

A quadrilha é composta, ainda, por um paulista, Guilherme Santos Diniz, 25; um paranaense, Carlos Gomes de Castro, 36; e pelo cearense André Luiz da Costa, 26, natural de Camocim mas radicado há mais de sete anos em São Paulo. Os três foram presos, ontem, pelos ´federais´ no Município de Tianguá (a 335Km da Capital). O cerco aos criminosos interestaduais teve o apoio do Comando do Policiamento do Interior (CPI) e da 2ª Companhia do 3ºBPM (Tianguá), sob o chefia do capitão PM Arturnane.

A operação que resultou na desarticulação do bando começou com a descoberta de que o grupo estava vindo de São Paulo para se estabelecer no Ceará.

Assaltos

"Eles chegaram há, mais ou menos, dez dias, e já atacaram um supermercado em Tianguá. Tinham vários arrombamentos e assaltos agendados, um deles contra a casa do pai do prefeito de Frecheirinha", afirmou Antônio Tarcísio Alves de Abreu Júnior, delegado regional de Combate ao Crime Organizado da PF no Ceará e coordenador da operação no Tianguá. De acordo com o delegado, o sargento era responsável pelo apoio logístico da quadrilha. "Ele fornecia armamento e transporte. Atuou como olheiro no ataque ao supermercado de Tianguá", disse. O delegado Tarcísio acredita que o grupo pretendia formar uma nova célula, no Ceará, especializada em arrombamentos de caixas eletrônicos.

Máquinas

"Em São Paulo, um dos presos já é especialista em assaltos do tipo ´saidinha bancária´. Outro já responde por roubos. Eles tinham ferramentas que são utilizadas em arrombamentos e esperavam se especializar nos ataques às máquinas de autoatendimento", acrescentou.

Além das ferramentas, um revólver de calibre 38 com numeração raspada foi apreendido em poder da quadrilha. Objetos roubados do supermercado, como dinheiro, computador e cheques, foram recuperados pela PF em poder dos assaltantes. A Polícia Federal não descartou a possível relação do bando com outras quadrilhas que já atuam no Estado. Para o novo superintendente da PF no Estado, delegado Sandro Lúcio Caron de Morais, a intervenção da instituição com a prisão do bando evitou diversos crimes no Interior do Estado.

"A quadrilha estava sendo acompanhada ainda de São Paulo. Como se trata de um grupo criminoso com atuação interestadual, a investigação estava sendo feita pela PF. Mas tivemos grande apoio da Polícia Militar do Estado", destacou. Ele avaliou que a forte repressão ao crime nos Estados de São Paulo e Rio de Janeiro, especialmente, tem provocado a migração de grupos criminosos para o Nordeste e outras regiões do Brasil. "Por isso, temos dado tanta ênfase no combate ao crime organizado", disse.

Planejado

Dentre as ações planejadas pelo bando para breve estavam, além dos arrombamentos de caixas em agências bancárias, os assaltos a residências de pessoas de alto poder aquisitivo. "Também planejavam assaltar estabelecimentos comerciais no Interior do Ceará", disse. Os três homens presos foram autuados em flagrante por furto qualificado. Eles estão presos na cadeia de Tianguá. Contra o sargento da PM, residente em Frecheirinha, já há um mandado de prisão expedido pela Justiça.

FERNANDO RIBEIRO/ NATHÁLIA LOBO
EDITOR DE POLÍCIA/SUBEDITORA/DN

 
 
Nesta segunda-feira por volta das 15 horas, na entrada da cidade de Cariré, vindo de Sobral, foi preso um casal suspeito de tráfico de drogas numa topic de passageiros com destino a cidade de Reriutaba. 

Segundo informações dos passageiros, o casal é conhecido da região e de Reriutaba, os policiais já estavam na estrada esperando a topic passar, ao avistar o transporte mandou o motorista parar e foi logo mandando o suspeito descer para fazer a revista e perguntou quem era a esposa do mesmo. 

No interior do veiculo a mulher que vinha juntamente com o suspeito, ao saber da revista do rapaz foi logo para o banco de trás e assim escondendo as drogas embaixo do banco, o polícia percebeu a mulher muito nervosa e mandou-a descer do carro e ao fazer a vistoria local recolheu uma quantia em droga e um celular 

Logo depois os dois foram encaminhados para a delegacia de Cariré onde ira prestar depoimento. 

Fonte: Reriutaba notícias
 
 
Um acidente no parque de diversões denominado “Parque Boa Vista” em Guaraciaba do Norte, na noite deste domingo dia 7 de agosto por volta das 20 horas, deixou uma vítima fatal, segundo informações a vítima é um menino de 10 anos de idade que brincava no brinquedo “Tropical Surf”. A vítima ao sair do brinquedo percebeu umas moedas próximo e voltou para pegar, neste momento, o aparelho já estaria voltando a funcionar e atingiu o garoto que teve morte instantânea

A vítima trata-se de F. L da S. R, nascido no dia 13 de novembro de 2000, filho de Luis Tomé Ribeiro e Raimunda Marciana da Silva e morava no Bairro Conceição em Guaraciaba do Norte.

O destacamento da  polícia militar comandado pelo Sargento Filho ficou no local até a chegada da perícia forense vinda de Sobral, os peritos chegaram por volta de 23 horas e então o corpo foi removido para o IML de Sobral.

O fato abalou toda a cidade, no momento do acidente a praça encontrava-se lotada, pois a festa da padroeira de Guaraciaba é uma das mais animadas da região.

Com informações P N de Guaraciaba do Norte


 
 
Picture
A Justiça cearense interditou, na última segunda-feira, 1º, a cadeia pública do município de Tianguá. Dentre os problemas que levaram à decisão, estão a superlotação e a precariedade das instalações do local. Com capacidade para abrigar 32 pessoas, a cadeia mantém cerca de 80 presos.

A partir de agora, o Estado do Ceará tem o prazo improrrogável de 90 dias para reformar o local ou fazer a construção de um novo estabelecimento. Caso não cumpra a determinação, o Estado receberá multa no valor de R$ 5 mil, por dia de atraso, corrigida pelo índice oficial, a ser revertida em favor do Fundo Estadual de Direitos Difusos.



INFORMAÇÕES O POVO