Picture
A Justiça cearense interditou, na última segunda-feira, 1º, a cadeia pública do município de Tianguá. Dentre os problemas que levaram à decisão, estão a superlotação e a precariedade das instalações do local. Com capacidade para abrigar 32 pessoas, a cadeia mantém cerca de 80 presos.

A partir de agora, o Estado do Ceará tem o prazo improrrogável de 90 dias para reformar o local ou fazer a construção de um novo estabelecimento. Caso não cumpra a determinação, o Estado receberá multa no valor de R$ 5 mil, por dia de atraso, corrigida pelo índice oficial, a ser revertida em favor do Fundo Estadual de Direitos Difusos.



INFORMAÇÕES O POVO
 





Leave a Reply.