Picture
(Foto: Francisco Viana/Agência Diário)
O Ministério Público do Estado do Ceará recomendou nesta terça-feira (8) que a Prefeitura de Fortaleza retire os vendedores ambulantes das calçadas da catedral da capital cearense. O pedido foi feito após o anúncio do padre da catedral Clairton Alexandrino de que iria cancelar as missas nos dias de quarta-feira e domingo por causa da feira.

O padre havia informado de que os fiéis reclamavam da ocupação da calçada e que tinham dificuldade em entrar na igreja. Os frequentadores da igreja afirmam ainda que, por conta da feira, é acumulada grande quantidade de lixo no entorno da catedral.

O documento foi enviado pelo promotor de Justiça da defesa do meio ambiente José Francisco de Oliveira à Regional do Centro, responsável pela administração da área. O pedido da remoção dos feirantes foi indicado pela promotora geral Socorro França, que afirma ter presenciado a “balbúrdia” próximo à catedral nos dias da feira popular.

O padre Clairton Alexandrino diz que defende o trabalho dos feirantes, mas espera que a Prefeitura de Fortaleza resolva o impasse. O padre sugeriu ainda a mudança nos horários das missas, para não coincidir com os horários da feira.


Fonte G1
 





Leave a Reply.