FOTOS: SOBRAL PORTAL DE NOTÍCIAS E DIÁRIO DO NORDESTE



TRAGÉDIA NA DESCIDA DA SERRA DE TIANGUÁ


Um ônibus em excursão, que saiu de Teresina a caminho de Fortaleza (CE), capotou e deixou pelo menos oito pessoas mortas na madrugada deste domingo (17/07). A tragédia ocorreu na altura da cidade de Tianguá, interior do Ceará. Várias outras pessoas saíram feridas. O ônibus saiu de Teresina, no bairro Promorar, por volta das 18h do sábado (16).


O acidente que ocorreu no quilômetro 303,5 da BR 222 na serra de Ibiapaba, por volta de 1h da madrugada. Segundo informações de plantonistas da Polícia Rodoviária Federal em Fortaleza o acidente aconteceu depois que o veículo saiu da pista, capotando várias vezes. O motorista, identificado com Wilton Lídio da Costa, 53 anos, afirmou em depoimento à Polícia Civil de Tianguá, que o veículo perdeu os freios e, para evitar que o ônibus caísse em um penhasco, arriscou uma manobra que levou ao tombamento do veículo.

Corpo de Bombeiros e PRF ajudam no resgate das vítimas. Podem haver outras vítimas fatais. Os feridos estão sendo atendidos nos hospitais da cidade de Sobral e Tianguá. Sete dos oito corpos de vítimas na tragédia já foram levados para o Instituto Médico Legal em Sobral. Entre elas, uma mulher grávida e uma criança de 13 anos.
De acordo com o agente Mota, da PRF em Sobral, o veículo de placas AEA 4208 perdeu o controle durante a descida da serra, saiu da pista e capotou até parar na frente de um restaurante. O ônibus do ano de 2003 parou com os pneus para cima. As vítimas ficaram imprensadas o que dificultou o trabalho de resgate do Corpo de Bombeiros.

Ainda segundo a PRF, entre os mortos estão duas crianças, duas mulheres e quatro homens. A lista com o nome dos 45 passageiros já está em poder da Polícia Rodoviária, mas como muitos estavam sem documento, a identificação das vítimas fatais ainda não foi feita. A lista com os nomes dos mortos deverá ser divulgado nas próximas horas pelo IML. 

MOTORISTA FOGE DE HOSPITAL; NO IML DE SOBRAL, MOVIMENTO É INTENSO



A todo instante surgem novas informações a respeito do acidente envolvendo um ônibus que saiu do Piauí na noite deste sábado (16/07) e capotou na cidade de Tianguá (CE). Até agora, segundo a PRF, oito mortes foram confirmadas, porém no IML de Sobral, o mais perto do local do acidente, apenas sete corpos deram entrada. Outras seis pessoas estão em estado grave e foram encaminhadas à cidade de Sobral.


O motorista que conduzia o ônibus foi hostilizado pelas vítimas depois do acidente. Lídio da Costa, 53 anos, prestou depoimento à delegacia de Polícia Civil e afirmou que perdeu o controle do veículo. Sem feios, ele tentou evitar que o ônibus caísse no penhasco, mas o veículo acabou tombando na estrada. Ele afirmou ainda que tentou ajudar as vítimas, mas foi agredido por parte dos passageiros. A população “manifestou revolta” contra o motorista, que abandonou o hospital sem concluir o atendimento.

A PRF informa também que a documentação do veículo estava regulamentada. O veículo tombou no acostamento da BR-222 e não obstruiu o tráfego de veículos, que flui normalmente na via. Na lista de passageiros consta 45 nomes, mas a polícia suspeita de que crianças eram transportadas no colo dos pais e os nomes não estavam registrados na lista.

No IML os familiares chegam a todo momento para tentar identificar os corpos das vítimas do acidente. Muitos já foram identificados apenas pelo primeiro nome, contudo o instituto médico aguarda a confirmação para poder divulgar o nome de todos, para que não hajam enganos. O site de noticias local ‘Sobral Portal de Notícias’ divulgou uma lista com o nome de sobreviventes que foram encaminhados aos hospitais. Veja abaixo!

VEJA NOME DE PESSOAS LEVADAS PARA O HOSPITAL COM VIDA

Zenilde Campelo Silva Torres
Luana Letícia Campelo Torres
Camila Torres dos Santos
Kenedy Ferreira dos Santos
Severina Torres dos Santos
Paulo Sergio Abreu
Maria Julia dos Santos Dias
Raimunda da Conceição Filho
Paulo Ferreira Gomes
Maria das Graças Silva Santos
Erisnete dos Santos Silva
Milton Lídio da Silva
Daniel Carvalho de Sousa
Hamilton Alexandre dos Santos

*Ainda há outros sobreviventes. Esta lista é apenas dos pacientes levados ao hospital de Sobral. Outros feridos foram encaminhados para outros hospitais da região. Com o capotamento, muitos documentos se perderam, por isso a demora na identificação dos mortos


*Atualizada às 15h35


FAMÍLIAS VOLTAM PARA TERESINA
Vinte e cinco pessoas envolvidas no acidente desta madrugada em Tianguá foram liberadas pelos médicos e retornam ao Piauí no início da tarde deste domingo (17). A informação é do presidente da Cooperativa Transportadora do Piauí (Cootranspi), Francisco Neves, empresa cujo ônibus tombou e deixou sete vítimas. Segundo ele, as pessoas já liberadas tiveram ferimentos leves ou traumas. Elas voltarão ao Piauí em vans fretadas pela empresa.

O número oficial de passageiro também é desconhecido pelo presidente da empresa. Ele afirma que na lista de passageiros consta 45 nomes e o motorista pode exceder em até quatro pessoas com passageiros que efetivam o pagamento da viagem de última hora. “É muito provável que sejam 49 passageiros, mas ainda não temos o número oficial”, diz Neves.

Familiares das pessoas que estavam no ônibus também se dirigem a Tianguá para identificação dos corpos. De acordo com a polícia local, documentos de vários passageiros foram perdidos. Francisco Neves diz também que o veículo estava com manutenção em dias e o laudo pericial afirmando as boas condições do ônibus foi expedido há dois meses. O 180graus entrou novamente em contato com o IML de Sobral às 15h35, e até o momento a lista completa com as vítimas fatais ainda não havia sido divulgada.O Instituto Médico Legal da cidade de Sobral divulgou no final da tarde deste domingo (17/07) a lista com o nome de todos os mortos na tragédia da madrugada de hoje na cidade de Tianguá (CE), onde um ônibus tombou na serra de Ibiapaba, Km 303 da BR 222. O ônibus que seguia com 45 piauienses a bordo rumo à Fortaleza (CE). No total foram contabilizadas oito vítimas fatais, entre elas o feto de uma mulher que estava grávida.

O ônibus de placas AEA 4208 saiu da Vila Carolina, bairro Promorar, zona Sul de Teresina ainda na noite deste sábado (16) por volta de 19h. Já na madrugada de hoje, enquanto desciam a serra na região da Tianguá o motorista perdeu o controle do veículo, que ficou sem freio. Para evitar cair no abismo, o condutor fez uma manobra arriscada,fazendo o veículo capotar várias vezes até parar próximo a um restaurante.

Oito vítimas fatais foram contabilizadas pela PRF, que incluiu em seus dados o feto de uma das vítimas, que estava grávida. Entre os mortos está ainda um adolescente de 12 anos. Os corpos foram necropsiados no IML de Sobral, o mais próximo do local do acidente.

VEJA LISTA COM NOME DOS MORTOS

Marcos Felipe Santos Sales
Daniel Dos Santos Alberque Filho
Francinete dos Santos Sousa Gomes
Vânia Abreu Santos
Paulo Victor Cardoso Ribeiro
Elinete dos Santos Sousa (grávida de cinco meses, na qual o feto foi contado como vítima)
Marina Santos Silva

*A Elinete e a Francinete são irmãs, ambas primas de Marina. Daniel é filho de Vânia e moravam no bairro Monte Castelo, zona Sul de Teresina. O Marcos Felipe Santos também morava no Monte Castelo. As Informações foram prestadas pelo funcionário Antonio Veras Nogueira, auxiliar de pericia do IML de Sobral.

Já na tarde deste domingo, muitas vítimas já voltavam para o Piauí em vans fretadas pela Cooperativa Transportadora do Piauí (Cootranspi), segundo Francisco Neves, empresa cujo ônibus tombou e deixou sete vítimas. Segundo ele, as pessoas já liberadas tiveramferimentos leves ou traumas. Elas voltarão ao Piauí em vans fretadas pela empresa.

TRÊS CORPOS VELADOS EM ASSOCIAÇÃO

Três piauienses vítimas do acidente com ônibus de turismo na serra de Tianguá (CE) estão sendo velados no Centro Comunitário da Vila Carolina, zona sul de Teresina. O sepultamento será às 17h de hoje (18), mas o local ainda não foi definido.

Francinete dos Santos Sousa Gomes, 31 anos, dona de casa, grávida de cinco meses; Elinete dos Santos Sousa, 27 anos, irmã de Francinete; e Marina dos Santos Silva, 25 anos, prima de Francinete e Elinete, moravam próximas.

Outras três vítimas moravam no Monte Castelo, zona sul, e uma outra morava no São Joaquim, zona norte.

Na noite de ontem (17) ainda haviam 14 feridos internados nos hospitais de Tianguá e Sobral. Mas muitos já foram transferidos para Teresina. Dois pacientes ficaram em Tianguá e outros cinco em Sobral.




Informações 180 Graus

 





Leave a Reply.