Picture
Promotor Igor Pereira apresentou uma pilha de licitações que seriam fraudulentas (FOTO RAFAEL CAVALCANTE )
Reportagem de Marcela Belchior
Enviada a Santana do Acaraú


Todos são acusados de envolvimento num esquema fraudulento de licitações referentes a serviços de transporte escolar que nunca foram ofertados, já que as empresas eram fantasmas. Outro acusado ainda está foragido.

Estourou mais um esquema de fraude envolvendo administrações públicas do interior do Ceará, desta vez, envolvendo a Prefeitura de Santana do Acaraú, distante 224 km de Fortaleza. Um grupo liderado pelo ex-prefeito de Tianguá Gilberto Moita é acusado de criar falsos processos licitatórios para atender os serviços de transporte escolar. Utilizando empresas fantasmas, o grupo sublocava o serviço público e chegou a faturar milhões somente nos dois últimos anos. Até a noite de ontem, cinco pessoas haviam sido presas e uma estava foragida.


O esquema se baseava na contratação de empresas fantasmas, uma delas chamada JC Locações e Eventos, que não possui sequer um veículo em seu nome, mas que faturou, entre 2010 e 2011, quase R$ 2 milhões, sublocando totalmente o serviço à população de Santana. A segunda tem nome Jean Carlos Aguiar ME. Ambas estão endereçadas no município de Ubajara, mas atuavam em Santana do Acaraú, Acopiara, Itapipoca e Acaraú. Outros municípios podem também estar envolvidos. “E são direcionadas por pessoas da administração pública, violando, portanto, a impessoalidade, a isonomia e a moralidade que deve reger todo e qualquer procedimento licitatório”, interpretou o promotor de Justiça Igor Pereira, autor da ação.

Segundo ele, os “cabeças” são a família Moita, liderada pelo ex-prefeito de Tianguá, que foi capturado em sua casa na manhã de ontem, seguido pelos filhos, Gilberto Moita Filho e Vitor Moita. Eles atuariam em conjunto a Manoel Messias Rodrigues, Ronaldo Teixeira dos Santos e Jean Carlos Aguiar, que participariam da fraude como “laranjas”, figurando como proprietários das empresas fantasmas. Além deles, José Auricélio Vidal Júnior - presidente da Comissão de Licitação da Prefeitura de Santana do Acaraú e irmão do secretário de Educação, Antônio Marciélio Fonteles Vital - participava da criação dos processos licitatórios. Auricélio é o único ainda considerado foragido.


Ação conjunta

A investigação foi iniciada pelo Ministério Público Estadual (MPE), em coordenação com a Polícia Civil e com a Coordenadoria de Inteligência (Coin) da Secretaria de Segurança Pública do Estado do Ceará (SSP-CE). A nomeada Operação Caça-Fantasmas foi deflagrada à meia-noite de ontem, cumprindo os mandados de prisão de e busca e apreensão tanto nos órgãos da administração municipal quanto nas residências dos investigados. (colaborou Lívia Pontes - política@opovo.com.br)

O POVO tentou ouvir os acusados, mas o acesso a eles não foi permitido pelas autoridades


ENTENDA A NOTÍCIA

No últimos meses, três prefeitos do Ceará eleitos em 2008 foram afastados de seus cargos por suposto envolvimento em desvio de verbas públicas. Eles seriam cúmplices em um esquema que tinha como cabeça o empresário Raimundo Morais Filho, o Moraisinho.

NÚMEROS 

05 
MILHÕES DE REAIS 
Em cheques, dólares e euros foram apreendidos na operação de ontem

05 PESSOAS 
Foram presas na operação que desmontou outro esquema de corrupção no CE


Fonte: Jornal O Povo




Leave a Reply.

    Picture

    ARQUIVOS

    Abril 2012
    Dezembro 2011
    Novembro 2011
    Outubro 2011
    Setembro 2011
    Agosto 2011
    Julho 2011
    Junho 2011

    CLIQUE NO LINK ABAIXO E VEJA AS ÚLTIMAS NOTÍCIAS

    Picture

    NÚMERO DE LEITORES DESTA REPORTAGEM:

    counter free
    Picture
    Picture


    EMPRESA DE COLETA COM TECNOLOGIA

    Picture

    CONTRATE NOSSOS SERVIÇOS
    Rua Barão de Aquiraz, 2165  Messejana
    CEP: 60.871-680 Fortaleza
    Telefones: (85) 3472-2312 3472-2313
    ATENDEMOS TODO O ESTADO DO CEARÁ